Quais são as 5 Solas e de onde elas vêm?

Os 5 solas são uma das bases da teologia evangélica. É interessante olhar para trás na história e ver como essas verdades influenciaram líderes cristãos do século XVI até hoje. O que são os cinco solas e de onde eles vêm?

Sola é a palavra em latim para “somente”. Os cinco solas são baseados em latim e incluem: sola Scriptura, solus Christus, sola gratia, sola fide e soli Deo gloria. Sinceramente, eu não ouvi todos esses termos em minha vida como crente. O que mais frequentemente surge é soli Deo gloria, especialmente no Natal.

Matthew Barret, da Gospel Coalition, diz: “Essas cinco declarações da fé evangélica estão no centro do que distinguia a teologia da Reforma da teologia da Igreja Católica Romana no século XVI.” Ele continua explicando que os cinco solas formam o núcleo da fé evangélica. Eles não apenas capturam o evangelho de Jesus Cristo e explicam como esse evangelho enraíza-se no pecador, mas também definem onde reside a autoridade desse evangelho e com que propósito ele é pregado e proclamado.

Vamos desvendar cada sola e compreender o propósito e a posição da frase.

1. Sola Scriptura | Somente a Escritura

Sola Scriptura afirma a crença de que Deus nos deu Sua Palavra e ela é separada e reverenciada. 2 Timóteo 3:16-17 diz: “Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a educação na justiça, para que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra.” A Bíblia é a única autoridade escrita de Deus. As palavras nas Escrituras são as palavras do Senhor, que são vivas e ativas (Hebreus 4:12).

A Palavra de Deus resistiu e resistirá às provas do tempo em todas as gerações. Romanos 15:4 diz: “Pois tudo o que foi escrito no passado, foi escrito para nos ensinar, de forma que, por meio da perseverança e do bom ânimo procedentes das Escrituras, mantenhamos a nossa esperança.”

Como crentes, podemos ter grande esperança na Bíblia porque ela nos ajuda a conhecer quem Deus é, nos equipa para o Seu trabalho em nossas vidas, revela o pecado e estabelece um padrão de vida piedosa, e nos encoraja em nossas dificuldades. Mais importante ainda, a Bíblia nos dá a mensagem do evangelho, mostrando o caminho para a salvação por meio de Jesus.

2. Solus Christus | Somente Cristo

Solus Christus celebra somente Cristo. O ênfase é que somente por Jesus podemos ser salvos.

João 14:6 diz: “Respondeu Jesus: ‘Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim.'” Quando alguém adiciona ou retira algo de Jesus, perde a salvação. O perdão dos pecados e a vida eterna no céu só podem vir por meio da fé em Jesus. Qualquer pessoa ou coisa que colocamos acima de Cristo é um ídolo.

Somente Cristo nos lembra que Jesus é o único que foi, é e virá, e que pode nos libertar do domínio da morte e do inferno. Ele é Aquele que nos amou tanto que deu Sua própria vida e ressuscitou dos mortos para que pudéssemos estar com Ele.

3. Sola Gratia | Somente a Graça

Sola gratia é somente pela graça. Isso é realmente o evangelho. Uma vez ouvi um ditado que dizia: “graça mais teologia perde todo o sentido da graça.”

O pastor estava ensinando sobre Efésios 2:5-6: “estando nós ainda mortos em nossos delitos, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos), e nos ressuscitou juntamente com ele, e com ele nos fez sentar nas regiões celestiais em Cristo Jesus.”

Todos nós estamos indo para a destruição eterna. Não há nada que possamos fazer para nos livrar de nossos pecados. Quando Adão e Eva quebraram o mandamento de Deus, eles saíram da presença do Senhor. Depois disso, nosso Criador teve um plano para enviar Seu único Filho, Deus em forma humana, para vir à terra. Jesus pagou o preço de todos os nossos pecados se O aceitarmos como nosso Salvador pessoal.

Temos graça sobre graça Nele (João 1:16). Mesmo sendo humanos que falham diariamente, Sua graça é suficiente e mais do que suficiente para nós.

4. Sola Fide | Somente a Fé

Sola fide é somente a fé. Quando tentamos trazer algo para a mesa para a nossa própria salvação, é equivalente a trapos sujos. Isaías 64:6 diz: “Todos nós nos tornamos como alguém imundo, e todas as nossas justiças, como trapo de imundícia; todos nós murchamos como uma folha, e as nossas iniquidades, como o vento, nos arrebatam.” A fé produzirá boas obras em nossas vidas, mas elas são um transbordamento da obra do Espírito Santo que vive em nós.

No entanto, não podemos ganhar nosso caminho para o céu. Temos que ter fé no sacrifício de Jesus Cristo. Ele é a porta e é somente por meio Dele que podemos entrar no reino de Deus (João 10:9).

Descobri que todas as religiões, exceto o cristianismo, tentam conquistar o caminho para o céu ou “se tornar seu próprio deus”. Jesus é diferente porque é somente por Seu presente gratuito que podemos entrar no céu um dia. É somente pelo Seu sangue que podemos ser restaurados em um relacionamento correto com nosso Criador Deus. Além disso, Ele é tão gracioso ao nos dar Seu Espírito Santo, que está sempre conosco.

5. Soli Deo Gloria | A Glória de Deus Somente

1 Coríntios 10:31 diz: “Portanto, quer comais, quer bebais ou façais qualquer outra coisa, fazei tudo para a glória de Deus.” Existimos para trazer glória a Deus. Nossa própria constituição foi criada para adorar. Quando vivemos nossos propósitos, estamos apontando para o Senhor.

Soli Deo gloria nos lembra de dar a glória somente a Deus. Nenhuma outra pessoa, nem mesmo nós mesmos, merece louvor. Quando alcançamos aquele objetivo ou temos sucesso naquele projeto, podemos ter administrado os dons, mas Deus deu os dons. Ele merece o crédito.

Assim como um atleta olímpico tem um nome e um propósito, sua vitória final é para sua nação. Temos um papel a desempenhar no reino de Deus. No final das contas, é para a glória de Cristo e Sua vitória que compartilhamos. 1 Coríntios 15:57 diz: “Mas graças a Deus, que nos dá a vitória por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.”

Quando combinamos essas declarações solas, entendemos a imagem completa das crenças cristãs. Acreditamos nas Sagradas Escrituras, que Jesus é o único caminho para a salvação, é pela Sua graça que somos salvos, é através da fé Nele que temos vida eterna, e toda a glória é para Deus. Um sentimento de entusiasmo surge em meu coração quando penso nessas declarações como as bases e verdades que constroem nossa fé como corpo de Cristo.