Por que a Bíblia nos adverte a não testemunhar falsamente?

O que a Escritura nos diz sobre dar falso testemunho? Você já encontrou alguém compartilhando algo e depois percebeu que era um falso testemunho? Como cristãos, somos chamados a testemunhar aos outros e compartilhar a mensagem de Deus. A Bíblia nos adverte a não dar falso testemunho. Como podemos discernir o que é verdadeiramente de Deus?

Qual versículo da Bíblia adverte sobre não dar falso testemunho?

Um dicionário define “dar falso testemunho” como “afirmar conscientemente como fato aquilo que é falso; ou perpetuar um boato mentindo sobre uma pessoa, coisa ou evento”.

A maioria de nós aprendeu a diferença entre o certo e o errado. No entanto, às vezes falhamos. O pecado se apodera de nossas vidas. Quando crianças, aprendemos a ser gentis e não mentir ou prejudicar os outros. Esses simples atos de bondade podem causar mudanças positivas no mundo.

O que acontece quando não seguimos a Palavra de Deus? A Escritura está cheia de orientações de Deus. Ele deu mandamentos específicos sobre como Ele quer que vivamos. Desde cuidar de Suas criações até seguir as leis, o caminho Dele é sempre o melhor.

Os Dez Mandamentos de Deus foram revelados a Moisés no Monte Sinai. Moisés compartilhou essas palavras com os israelitas. O dedo de Deus inscreveu os Dez Mandamentos em duas tábuas de pedra. Portanto, qualquer coisa que vá contra essas palavras é falsa. Se nossas palavras e ações não concordarem com o que Deus falou, sabemos que há falsidade.

A Palavra de Deus para o Seu povo inclui direções específicas sobre como devemos viver para adorá-Lo e levar outros a conhecê-Lo. Além de honrar nossos pais e não cometer adultério, assassinato ou roubo, Deus nos orienta sobre como interagir uns com os outros.

“Não darás falso testemunho contra o teu próximo.” (Êxodo 20:16 NVI)

O livro de Provérbios lista coisas que o Senhor detesta. Considere a dor que Deus sente quando pecamos e não seguimos a Sua vontade.

“Há seis coisas que o Senhor odeia, sete coisas que ele detesta: olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente, coração que traça planos perversos, pés que se apressam para fazer o mal, testemunha falsa que espalha mentiras e a pessoa que provoca discórdia na comunidade.” (Provérbios 6:16-19 NVI)

Espalhar fofocas e contar mentiras leva a mais engano e menos confiança. Quando seguimos a lei de Deus, podemos descansar em Sua paz. Vamos falhar às vezes? Sim, como seres humanos, vamos falhar. As promessas do perdão de Deus para os crentes podem nos ajudar a voltar a um caminho melhor.

A lei do Antigo Testamento de não dar falso testemunho ainda se aplica hoje?

No Antigo Testamento, aprendemos sobre diferentes grupos de pessoas criando suas próprias leis, enquanto outros acreditavam e seguiam a Deus. Os Dez Mandamentos foram dados, e algumas pessoas aderiram a essas leis.

Havia leis morais do Antigo Testamento sobre assassinato, roubo, adultério, honestidade e muito mais. Havia leis cerimoniais sobre alimentos puros e impuros, e como cozinhar e armazenar alimentos era importante. Algumas leis do Antigo Testamento abordavam a pureza (incluindo condições de pele e mofo).

No Sermão da Montanha, Jesus compartilhou que Ele não veio para abolir a Lei ou os Profetas. Ele afirmou que veio para cumpri-los. Em uma declaração profunda, Jesus disse o que aconteceria com qualquer pessoa que negligenciasse os mandamentos.

“Portanto, qualquer que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e ensinar assim aos outros, será chamado menor no Reino dos céus; mas qualquer que praticar e ensinar estes mandamentos será chamado grande no Reino dos céus.” (Mateus 5:19 NVI)

A lei do Antigo Testamento foi dada à nação de Israel. De acordo com Romanos 10, quando Jesus morreu na cruz, a lei do Antigo Testamento foi cumprida. Somos chamados a amar a Deus de todo o nosso coração, alma e mente, e amar o nosso próximo.

A Escritura também nos lembra, em passagens como Atos 15, que não precisamos seguir todas as leis do Antigo Testamento, mas devemos seguir valores morais fundamentais, incluindo os Dez Mandamentos.

Devemos continuar a seguir a lei de não dar falso testemunho hoje? Sim. Quando vivemos para Deus, não contamos mentiras, fofocamos, trapaceamos ou roubamos. Mas, quando caímos nesses caminhos pecaminosos, podemos ir a Deus, confessar nossos pecados, pedir Seu perdão e agradecer por Sua misericórdia.

Certas leis do Antigo Testamento eram para aquele período. No entanto, as leis de Deus são eternas. Seus mandamentos não mudam. Ele criou essas leis específicas para trazer ordem e nos ensinar como viver para Ele.

Dar falso testemunho estava errado no Antigo Testamento e no Novo Testamento. Naquela época e agora, Deus quer que sigamos Seus mandamentos.

O que torna dar falso testemunho tão destrutivo?

Você já ouviu um boato? Você considerou a fonte ou como o boato começou? Uma frase popular é compartilhada às vezes quando as pessoas estão fofocando. “Pessoas feridas ferem outras pessoas.”

Conversas que contêm mentiras muitas vezes são resultado de uma pessoa sendo ferida pelas palavras ou ações de outra pessoa. Isso não é como Deus quer que Seus filhos se amem.

Talvez você tenha sido convocado para o júri e tenha passado horas ouvindo evidências e possibilidades apresentadas. Como você sabe quem está dizendo a verdade? Ore e peça a orientação de Deus.

Palavras podem trazer alegria ou tristeza, felicidade ou tristeza. Dar falso testemunho contra outra pessoa pode criar caos e instabilidade.

Ser verdadeiro pode ser a chave para criar um ambiente seguro em playgrounds, locais de trabalho, trânsito e outros lugares. Quando boatos, fofocas e acusações falsas ocorrem, os relacionamentos são testados e podem não sobreviver. Se um ambiente se torna perigoso, as autoridades podem precisar ser contatadas.

Testemunhas falsas testemunharam contra Jesus. Ele foi julgado, condenado e crucificado por nossos pecados. Judas, um dos discípulos de Jesus, o traiu. Depois da traição, Judas se arrependeu e tirou a própria vida (Mateus 27:3-5).

Uma pessoa que dá falso testemunho contra outra pode causar angústia para muitos.

Qual é a punição por dar falso testemunho?

No reino de Israel do Antigo Testamento, havia consequências para dar falso testemunho. Deuteronômio 19:15-21 discute o procedimento legal: deve haver mais de uma testemunha para condenar o acusado. Se uma testemunha se mostrar falsa, o acusador sofreria a mesma punição destinada ao acusado. A passagem apresenta as famosas palavras “olho por olho…”.

A Escritura nos diz que dar falso testemunho contra outra pessoa não passará impune (Provérbios 19:5). Deus conhece o coração e as ações de cada pessoa. Seu julgamento será final.

As advertências para não dar falso testemunho continuam no Novo Testamento, mostrando que é um aviso que ainda devemos seguir hoje. Paulo compartilhou que devemos ser verdadeiros e estar prontos para nos apresentarmos a Deus.

“Procure apresentar-se a Deus aprovado, como obreiro que não tem do que se envergonhar e que interpreta corretamente a palavra da verdade.” (2 Timóteo 2:15 NVI)

Orações para quando alguém dá falso testemunho contra nós

– Pai, obrigado pelo seu perdão e misericórdia quando damos falso testemunho contra alguém. Ajude-nos a perdoar aqueles que dão falso testemunho contra nós. Amém.

– Pai celestial, ajude-me a não julgar precipitadamente quando alguém conta mentiras sobre mim. Guie-me enquanto oro por aqueles que pretendem prejudicar em vez de fazer o bem. Em nome Dele, Amém.

– Senhor, estou com raiva porque alguém contou mentiras sobre mim. Por meio dessas palavras, meu emprego e finanças foram comprometidos. Pai, por favor, guie essa pessoa a se apresentar e ser verdadeira. Cubra a situação com a Sua paz. Obrigado. Amém.

– Deus, a verdade é conhecida por Ti. Por favor, dê sabedoria, discernimento e revelação àqueles que dão falso testemunho contra mim. Traga-os para a verdade. Que Seu amor e glória alcancem a todos. Obrigado, Pai. Amém.

– Querido Deus, quando untruths estão sendo compartilhados e rumores começam a se espalhar nas conversas, por favor, nos lembre de pausar e orar. Que sempre falemos palavras de amor e compaixão. Em nome de Jesus, Amém.

“Que as palavras da minha boca e a meditação do meu coração sejam agradáveis ​​a Ti, Senhor, minha Rocha e meu Redentor.” (Salmos 19:14 NVI)

Bênçãos,

Melissa Henderson