O PECADO DE NADABE E ABIÚ

“O PECADO DE NADABE E ABIÚ”

Levítico 9:22-10:7

INTRODUÇÃO
  1. O Antigo Testamento é de grande valor para o cristão…
    1. Escrito para o nosso aprendizado, uma grande fonte de esperança – Rm 15:4
    2. Escrito para nossa admoestação, para que não cometamos erros semelhantes – 1Co 10:11
  2. Isso inclui até mesmo o livro de LEVÍTICO
    1. Um livro árido para muitos, mas de valor para todos
    2. Seu nome é derivado de LEVI, da tribo dos sacerdotes
    3. É principalmente um manual para os sacerdotes sob a Lei de Moisés
    4. Lê-lo ajuda o cristão a entender melhor o Livro de Hebreus
  3. Embora seja principalmente um livro que descreve rituais sacerdotais, ele registra um incidente envolvendo dois filhos de Arão: Nadabe e Abiú
    1. O que aconteceu com eles pode fornecer lições valiosas para nós
    2. O que aconteceu e o que podemos aprender com isso servirá de base para este estudo

[Vamos começar lendo sobre…]

    1. O INCIDENTE ENVOLVENDO NADABE E ABIÚ
      1. CIRCUNSTÂNCIAS QUE LEVARAM A SUAS AÇÕES…
        1. A consagração de Arão e seus filhos como sacerdotes havia acabado de ser concluída – Lev 8-9
        2. Em Lev 9:22-24, a glória do Senhor apareceu quando Arão abençoou o povo
          1. O fogo saiu de diante do Senhor
          2. O fogo consumiu a gordura no altar
          3. O povo gritou e caiu com o rosto em terra
      2. O FOGO PROFANO OFERECIDO POR NADABE E ABIÚ…
        1. Eles ofereceram um fogo não ordenado pelo Senhor – Lev 10:1
          1. É chamado de “fogo estranho” (cf. KJV, NASB)
          2. A NVI o traduz como “fogo não autorizado”

— É importante observar que era algo que o Senhor não havia ordenado!

        1. O fogo saiu do Senhor e os devorou – Lev 10:2
          1. Compare o fogo de Lev 9:24 com o de Lev 10:2
            1. Um indicava a aceitação de Deus; o outro, a rejeição de Deus
            2. Um indicava a bênção de Deus; o outro, a maldição de Deus
          2. Por que Deus ficou descontente? Foram oferecidas várias explicações:
            1. Colocaram brasas quentes em seus incensários que não eram do altar do holocausto – cf. Lev 16:12; Êx 30:9
            2. A proibição contra bebidas intoxicantes que se seguiu levou alguns a acreditar que eles poderiam estar embriagados – cf. Lev 10:8-10
            3. Sua tentativa de entrar no Santo dos Santos em um momento inapropriado – cf. Lev 16:1-2

— O pecado deles pode ter sido uma combinação dessas coisas, mas o versículo um observa que foi fazer o que Deus não havia ordenado

      1. EXPLICAÇÃO DE MOISÉS SOBRE O QUE ACONTECEU…
        1. Aqueles que se aproximam de Deus devem considerá-Lo como “santo”Lev 10:3a
          1. “Santo” significa “separado, consagrado”; ou seja, tratar como especial
          2. Evidentemente, as ações de Nadabe e Abiú não respeitaram assim a Deus
        2. Deus deve ser “glorificado” diante de todos – Lev 10:3b
          1. Essa palavra significa “honrar”
          2. As ações de Nadabe e Abiú, portanto, não honraram a Deus
      2. INSTRUÇÕES ADICIONAIS DE MOISÉS…
        1. Os corpos de Nadabe e Abiú devem ser removidos fora do acampamento – Lev 10:4-5
        2. Aarão e seus filhos sobreviventes não deveriam lamentar enquanto ainda estivessem consagrados para o serviço – Lev 10:6-7

[Deve ter sido muito difícil para Aarão perder seus dois filhos dessa maneira, em uma ocasião que deveria ter sido um momento de grande alegria para ele.

Já que essas coisas foram escritas para nossa admoestação (1Co 10:11), que lições poderíamos extrair…?]

    1. LIÇÕES A SEREM EXTRAÍDAS DESTE INCIDENTE
      1. EM RELAÇÃO AO CULTO A DEUS…
        1. Quando nos aproximamos de Deus em culto, devemos fazer apenas o que Ele ordenou
          1. Esse foi o erro cometido por Nadabe e Abiú – Lev 10:1
          2. Quando oferecemos algo que Deus não ordenou…
            1. Não o consideramos como santo – Lev 10:3
            2. Não o glorificamos verdadeiramente – Lev 10:3
        2. Se Deus é santo e verdadeiramente digno de glória…
          1. Como pode o homem pecador saber o que Deus deseja como culto aceitável?
          2. O homem pecador pode ler a mente de Deus?
            1. Se sim, então Deus não é tão santo (ou seja, separado)!
            2. Se sim, então Deus não é tão diferente do homem e, portanto, não é digno de glória!
          3. De fato, o homem não pode saber sem revelação divina como Deus deve ser adorado e glorificado – cf. Isaías 55:8-9
        3. Essa é uma das razões pelas quais opto por não usar instrumentos musicais no culto
          1. No Novo Testamento, apenas o canto é especificado – por exemplo, Cl 3:16
            1. Oferecer louvor com instrumentos musicais…
              1. Seria algo que Deus não ordenou
              2. Seria presumido de nossa parte
            2. Fazer isso seria tentar adivinhar o que Deus quer
              1. Se Deus quisesse isso, Ele teria nos dito
              2. Como Ele não disse, o respeitamos oferecendo apenas o que Ele ordena
          2. E quanto à aprovação de Deus de instrumentos musicais no Antigo Testamento?
            1. Aqui podemos aprender com o exemplo de Moisés
              1. Em um momento, Deus disse a ele para ferir a rocha para obter água – Êxodo 17:6
              2. Depois, Deus disse a ele para falar com a rocha – Números 20:8
              3. Quando Moisés fez pela segunda vez o que Deus disse para fazer na primeira vez…
      2. EM RELAÇÃO À PRIORIDADE DE DEUS…
        1. O serviço ao Senhor vem antes do serviço à família
          1. Isso aprendemos quando Arão não pôde lamentar por seus filhos
            1. Foi necessário que outros retirassem os corpos do acampamento – Lev 10:4-5
            2. Arão havia sido consagrado, e o serviço ao Senhor vinha primeiro – Lev 10:6-7
          2. Jesus fez um ponto semelhante em várias ocasiões
            1. Quando chamava as pessoas para segui-Lo – Lucas 9:59-62
            2. Quando falava às multidões que O seguiam – Lucas 14:25-33
            3. Quando preparava Seus discípulos para a obra deles – Mateus 10:34-37
        2. Quando surge um conflito entre o serviço ao Senhor e o compromisso com a família, Cristo deve vir em primeiro lugar!
          1. Por exemplo, obedecer ao evangelho apesar da objeção de membros da família
          2. Por exemplo, colocar as assembleias da igreja do Senhor em primeiro lugar quando visitas chegam
            1. Isso não exige que sejamos rudes com nossos convidados
            2. Peça para eles se sentirem à vontade até você voltar

— Isso é o que significa “buscar primeiro o reino de Deus e Sua justiça” – Mateus 6:33

CONCLUSÃO
  1. É muito fácil para nós nos tornarmos complacentes em nosso serviço a Deus
    1. Quando isso acontece, reflete-se em nosso culto e serviço ao Senhor
    2. Em vez de considerá-Lo como Santo e glorificá-Lo como Ele merece…
      1. …fazendo exatamente como Ele ordena
      2. …começamos a oferecer em culto COMO queremos e QUANDO queremos
    3. Assim, nosso culto é mais conveniente do que de convicção!
  2. Precisamos ser lembrados de incidentes como o que aconteceu com Nadabe e Abiú…
    1. Para nos humilhar na presença de Deus
    2. Para nos lembrar da seriedade de servir a Deus

Nós consideramos Deus como santo e O glorificamos adequadamente em nosso serviço a Ele? Servimos a Ele em primeiro lugar? Mesmo acima dos mais próximos a nós?

Que o exemplo de Nadabe e Abiú nos encoraje a fazer o que honra a Deus!