O Bom Deus Todo Poderoso

Texto: Naum (consolo)

Introdução: Como
você acha que Deus o vê, definirá a maneira como você se vê e as situações que
enfrenta.

I. A Natureza Consumidora
de Deus:

“O Senhor é um Deus
zeloso e vingador; o Senhor é vingador e cheio de indignação; o Senhor toma
vingança contra os seus adversários, e guarda a ira contra os seus inimigos”

(Naum 1:2)

A. O pré-requisito de
Deus é fidelidade:
“Não terás outros
deuses diante de mim”
(Êxodo 20:3)

B. Deus procura sua
adoração:
“porque não adorarás a
nenhum outro deus; pois o Senhor, cujo nome é Zeloso, é Deus zeloso”
(Êxodo
34:14)

C. Deus pressiona por
sua atenção:
“Amarás o Senhor teu
Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todas as tuas forças”.

(Deuteronômio 6:5)

II. A Natureza
Convincente de Deus:

“O Senhor é tardio em
irar-se, e de grande poder, e ao culpado de maneira alguma terá por inocente; o
Senhor tem o seu caminho no turbilhão e na tempestade, e as nuvens são o pó dos
seus pés”
(Naum 1:3)

A. Deus é paciente na
Salvação:
“O Senhor não retarda a sua
promessa, ainda que alguns a têm por tardia; porém é longânimo para convosco,
não querendo que ninguém se perca, senão que todos venham a arrepender-se”

(2 Pedro 3:9)

B. Deus é persistente
na firmeza:
E ele passou na frente de Moisés, proclamando: “Jeová, Jeová, Deus misericordioso e
compassivo, tardio em irar-se e grande em beneficência e verdade”
(Êxodo
34:6)

C. Deus é perdoador do
pecado:
“O Senhor é tardio em
irar-se, e grande em misericórdia; perdoa a iniquidade e a transgressão….”.
(Números
14:18)

III. A Natureza Atraente
de Deus:

“O Senhor é bom, uma
fortaleza no dia da angústia; e conhece os que nele confiam”
(Naum 1:7)

A. Deus é puro em
motivos:
“bom” “Toda boa dádiva e
todo dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há
variação nem sombra de mudança”
(Tiago 1:17)

B. Deus é proteção
contra o caos:
“fortaleza” “pois as
armas da nossa milícia não são carnais, mas poderosas em Deus, para demolição
de fortalezas”
(2 Coríntios 10:4)

C. Deus é pessoal em
misericórdia:
“conhece” “Certamente
bondade e misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida e eu habitarei
na casa do Senhor para sempre”.
(Salmo 23:6)

Conclusão: Ou estamos
construindo um Deus à nossa própria imagem ou Deus está nos conformando à Sua
imagem.

Fonte: Esboçosermão