História de Sodoma e Gomorra na Bíblia

O Contexto de Sodoma e Gomorra

Não é possível analisar a história de Sodoma e Gomorra sem considerar Lot, que era sobrinho de Abraão. Ele é realmente a pessoa na história pela qual torcemos.

Por causa de sua conexão com Abraão e porque gostamos de Abraão, tendemos a torcer por Lot.

No entanto, o que vemos em Lot são uma série de más decisões que se tornam a base para essas verdades inconvenientes.

Sodoma e Gomorra na Bíblia foram definidas por uma palavra… perversidade.

Agora, os homens de Sodoma eram maus e pecavam grandemente contra o Senhor. – Gênesis 13:13

Apesar da maldade da cidade, por algum motivo Lot foi atraído para viver perto dessa cidade, o que nos leva à primeira de quatro verdades inconvenientes nessa história bíblica:

Verdade #1: Você não pode decidir viver perto do pecado e pensar que não irá te afetar.

Abrão morava na terra de Canaã, enquanto Lot morava entre as cidades da planície e armou suas tendas perto de Sodoma – Gênesis 13:12

Lot armou suas tendas perto de Sodoma. Observe que ele não vivia na cidade, mas estava em algum lugar fora da cidade. No entanto, a influência de Sodoma logo afetaria a vida de Lot. No Novo Testamento, Paulo nos lembra:

Não se deixem enganar: “As más companhias corrompem os bons costumes”. – 1 Coríntios 15:33

Isso é exatamente o que aconteceu com Lot. Se você avançar rapidamente nessa história, observe onde os anjos encontram Lot quando vão resgatá-lo.

Os dois anjos chegaram a Sodoma à tarde, e Lot estava sentado junto à porta da cidade. Quando os viu, levantou-se para encontrá-los e inclinou-se com o rosto em direção ao chão. – Gênesis 19:1

Lot não estava mais fora da cidade ou perto da cidade, ele estava sentado junto à porta da cidade. Isso não era algo insignificante. Era uma indicação de que ele era um líder na cidade.

Lot deixou de ser um estranho para se tornar um líder em uma cidade onde as pessoas pecavam grandemente contra Deus. Claramente, ele ignorou ou participou da depravação dessa cidade. De qualquer forma, a influência do pecado ou cauterizou sua consciência (para que ele não visse mais o pecado da mesma maneira) ou permitiu que ele fosse um participante.

A lição aqui para você e para mim é: se você se envolver com o pecado por tempo suficiente, ele pode se tornar normalizado. Quando isso acontece, o que deveria ser chocante e repulsivo chega ao ponto de ser aceitável.

O que é fascinante na história de Lot é que ele teve a oportunidade de escolher para onde queria ir e escolheu viver perto das pessoas de Sodoma. Como ele poderia pensar que a influência da cidade não chegaria perto dele e o afetaria?

O mesmo é verdade para nós.

Nunca devemos ser tão tolos a ponto de pensar que podemos armar nossas tendas perto de más influências o tempo todo e que elas não terão efeito. Lot tomou essa má decisão, e com muita frequência, muitos cristãos fazem a mesma escolha errada. Se eu pudesse resumir em um pensamento, qualquer coisa que esteja constantemente ao seu redor eventualmente irá te afetar.

Portanto, seja sábio onde você arma sua tenda.

Crédito da Foto: ©SparrowStock