Geazi é atacado de lepra – Série Eliseu (Mensagem 9)

Texto: 2 Reis 5.15-27

I.) Quando o povo de Deus desobedece, Ele suscita outros para experimentarem as suas bênçãos.

– Jesus ensinou sobre Naamã (Lc 4.27).

II.) A importância de se dar lugar à humildade e à obediência – v. 15

– Diferença entre o orgulho inicial, e a atitude de quebrantamento depois de haver dado lugar à humildade e obedecido – v. 15
– Lembra Jo 7.17

III.) Faça opção por uma vida simples – v. 15,16

– Por que Eliseu não aceitou o presente? (v. 15c,16)
– Talvez tenha optado por manter uma vida simples para si mesmo e para os discípulos dos profetas.

IV.) Oremos por milagres que redundem em conversões – v. 17-19

– Naamã se converteu! – v. 17-19a
– Recebeu a cura da alma juntamente com a cura do corpo.
– Que possamos ver, em nosso ministério, milagres que produzam conversões!

V.) Os líderes têm razões que os liderados desconhecem – v. 19,20

– Geazi depreciou o seu superior – v. 19b,20
– “Eliseu não soube como fazer, eu sei como fazer!” – v. 20
– Os líderes têm razões que os liderados nem imaginam, pois não estão na posição em que seus líderes se encontram.

VI.) Cuidado com a ganância, a cobiça e a avareza – v. 22-24

– Existe um grande perigo na ganância, cobiça, avareza – v. 22-24
– Levou Geazi a mentir descaradamente – v. 22
– A agir dissimuladamente – v. 24
– Trouxe prejuízo ao testemunho do Senhor.

VII.) Jamais façamos barganha com a Palavra de Deus

– Geazi lembra aqueles que mercadejam a Palavra de Deus (2 Co 2.17)

VIII.) Cuidado com a tendência humana de se esconder e negar o pecado quando confrontado – v. 25

– O ser humano tem a péssima tendência de, quando confrontado, tentar esconder (negar) o pecado – v. 25.

IX.) Jamais permita que o pecado marque de forma negativa e definitiva a sua vida, carreira e ministério – v. 26,27

– Eliseu não teve prazer em confrontar e sentenciar Geazi – v. 26,27.
– Ele havia sido um servo útil, mas permitiu que o pecado marcasse negativamente a sua carreira e biografia. Se tornou um exemplo do que não devemos fazer.

X.) Algumas reflexões sobre a ganância, cobiça e avareza

1.) “A lepra que ‘se apegará’ a Geazi ilustra o castigo (Ex 20.4,5) aplicado àqueles que quebraram o mandamento que proíbe a fabricação de ídolos (aqui, o amor ao dinheiro e às posses)” (Donald J. Wiseman).

2.) “É provável que a cobiça de Geazi estivesse em seu coração havia muito tempo. Ele nunca ficaria leproso se tivesse julgado a cobiça que tinha no coração. É importante que o povo de Deus julgue (trate) com honestidade os pecados que tem no coração” (Wiersbe).

3.) “Geazi não podia servir a dois senhores – ao dinheiro e a Jeová. Colossenses 3.5 compara a cobiça à idolatria. Jesus associa a cobiça aos pecados da carne (Mc 7.22); em Rm 1.29, Paulo enumera a cobiça entre os pecados dos gentios. Em Lc 12.13ss, Jesus adverte claramente quanto aos perigos da avareza; em Lc 16.13ss, Ele mostra que esse pecado levará pessoas para o inferno” (Wiersbe).

4.) “Essa passagem não ensina que o dinheiro seja prejudicial ou que os ministros não devam ser pagos; antes, adverte contra a cobiça e o engano. O verdadeiro serviço é motivado pelo amor e pela devoção a Deus, e não busca o proveito pessoal. Ao servir ao Senhor, verifique os seus motivos – não é possível servir a Deus e ao dinheiro (Mt 6.24)” (Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal).

Pr Ronaldo Guedes Beserra, SP, 26.05.2022

Ouça essa mensagem pelo YouTube em https://www.youtube.com/watch?v=MnAk_figC6o&list=PLsjoeaXyI1DntYm5roXVwVa7Hw7GdmQw6&index=9

Siga o Pr Ronaldo no Instagram https://www.instagram.com/ronaldoguedesbeserra/

Visite o site do Pr Ronaldo em https://ronaldoguedesbeserra.com.br/



Fonte: Cristianismo Total